Ação recebe 4t de embalagens vazias de defensivos agrícolas, em Wanderley

Publicado em: 17/04/2017 10:22:45

Um saldo superior a quatro toneladas de embalagens vazias de defensivos agrícolas retiradas do meio ambiente. Esse foi o resultado da primeira ação de recebimento itinerante do ano, promovida pela Associação do Comércio de Insumos Agrícolas (Aciagri) através da Central Campo Limpo de Barreiras, com o apoio do inpEV (Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias) e a Adab (Agência de Defesa Agropecuária da Bahia), em Wanderley no oeste baiano, nos dias 07 e 08 de abril.

A ação consiste na montagem de estruturas temporárias em locais distantes das centrais de recebimento espalhadas pelo Brasil como forma de facilitar a devolução do material por parte dos agricultores e pecuaristas. Além do suporte de órgãos reguladores e fiscais, a iniciativa contou com apoio da secretaria de meio ambiente de Wanderley – fundamental para aumentar a capilaridade do Sistema Campo Limpo (logística reversa de embalagens vazias de agrotóxicos) naquela região. O material devolvido foi encaminhado para a unidade de Barreiras onde receberá a destinação correta, reciclagem ou incineração, pelo inpEV – instituto que representa a indústria fabricante de defensivos agrícolas para a destinação das embalagens vazias de seus produtos.

Atualmente, a Aciagri gerencia três centrais Sistema Campo Limpo no oeste baiano: Barreiras – maior do país em volume de recebimento; Roda Velha e Rosário – considerada a terceira maior do nordeste do país, além de outros três postos de recolhimento: Panambi, Coaceral e Campo Grande. Para 2017, a meta é retirar do meio ambiente 2.816 toneladas de embalagens vazias de defensivos agrícolas.

Agenda – Segundo a gerência da Central de Barreiras, outros seis municípios do oeste baiano e do Vale do Rio Grande serão atendidos pela ação, sendo eles: Cristópolis, Cotegipe, Baianópolis, Santa Rita de Cássia, Riachão das Neves e os distritos de irrigação de Nupeba e Barreiras Norte, implantados e geridos pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em Barreiras. As datas e os locais ainda não foram definidas, entretanto, serão divulgados com antecedência.

Ascom Aciagri